Mestres da Obra – O Livro

24 de março de 2017

Mestres da Obra – O Livro

A OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) Mestres da Obra conta sua história desde sua concepção até projetos recentes, em livro com projeto gráfico de Rico Lins +Studio. O livro tem o intuito de apresentar o trabalho realizado pela OSCIP com operários da construção civil, a fim de desenvolver a capacidade artística e criativa dentro dos canteiros de obra e de promover a integração, a auto-estima e o senso estético através da música, dramaturgia e artes visuais. O lançamento ocorrerá no dia 29 de março, no Itaú Cultural.


No Words Posters

Rico Lins e cerca de 100 ilustres designers foram convidados para participar do livro No Words Posters de Armando Milani, entre eles Milton Glaser, Stefan Sagmaister, Alain le Quernec, Uwe Loesh, Niklaus Troxler e Isidro Ferrer.

 

Há cartazes onde não existe a sombra da dúvida, independente da mensagem verbal. Por mais sofisticada e ambigua que seja a articulação da imagem — e sutil o domínio da linguagem gráfica — tintas, formas e cores se apossam da generosa superfície de papel que as recebe de modo definitivo, deixando uma marca irreversível.

Sempre me impressionou a capacidade que o cartaz tem de trabalhar com tão diversos temas de forma sintética e pessoal, sem que o estilo do artista se faça sentir como algo que prenda, mas sim que liberte sua expressão. Essa reflexão nos coloca diante do que considero um dos principais desafios, e consequentemente estímulos criativos: o equilíbrio entre a liberdade e o limite.

Acho que é esse o atrito que gera a grande energia do cartaz e que o torna tão universal: mostrar que de uma nota também se faz uma sinfonia.

Rico Lins

[rs_image_block image="4288"][rs_spacer height="15px"][rs_image_block image="4286"]

Rico no Meggs` History of Graphic Design

[rs_image_block image="3870"]

Rico Lins foi incluido na 5ª edição do clássico Meggs’ History of Graphic Design, recém lançada nos Estados Unidos. ( John Wiley & Sons, Inc. 2011, by Alston Purvis e Philip Meggs)

Desde sua primeira edição em 1983 a obra é considerada, por sua extensão e pioneira pesquisa histórica, uma das principais publicações na área, se mantendo como uma referencia fundamental pela qualidade e abrangência a cada edição. Além da qualidade gráfica, o livro tem como principal qualidade a sistematização e atualização histórica do design gráfico — essencialmente efêmero — desde a pré-historia da tipografia ao digital e interativo, examinando e ilustrando as mais importantes escolas, movimentos e profissionais do design. Entre os projetos que passam a integrar a publicação encontram-se cartazes e capas de revista desenvolvidas por Rico Lins no Brasil e na Europa.


FAI – A mão do designer gráfico (The hand of the graphic designer)

[rs_image_block image="3874"]
[rs_image_block image="3877"]

O Fundo de Ambiente Italiano (FAI) convidou Rico Lins para o projeto ” A mão do designer gráfico” (The Hand of the graphic designer). Foi solicitado para todos os participantes a doação de três sketches para uma boa causa: a preservação da arquitetura italiana. Este projeto segue o modelo  usado em ” A mão do arquiteto” e ” A mão do Designer”, grande sucesso em 2009 e 2010 respectivamente.

Todos os sketches recebidos serão publicados em um catálogo editado pela Moleskine e serão exibidos na Villa Necchi Campiglio em Milão, em conjunto com o Milan Furniture Fair de maio-abril de 2011.

Após a exibição os sketches originais serão vendidos  em uma lelião pela Sotheby’s para arrecadar fundos para renovar três importantes construções italianas.

O projeto consta com grande nomes do design gráfico como Bob Gill, Abbott Miller, Milton Glaser, Seymour Chwast, Paula Scher, Robert Massin, Carin Goldberg, Keith Godard, Fannette Mellier, Erik Spiekermann, Tomato, entre outros.


Catálogo Graphic Agitators 2010

Rico Lins foi convidado para participar do catálogo do Projeto Agitadors de Conciencia/Gráfica Compromesa promovido pela Universidade Internacional de Tenerife. O projeto deu origem a uma exposição no Art Center Tecla Sala in L’Hospitalet de Llobregat, em Barcelona e contou com a participação de 130 desenhistas de onze paîses, tais como Isidro Ferrer, Peret, Pierre Bernard, Alain LeQuerneq, Alex Jourdain, Stefan Sagmeister,Uwe Loesch, Alejandro Magallanes, David Tartakover, Kari Pippo e Chaz Maviyane-Davies.